A ferramenta Google Earth acabou colaborando, sem querer, para encontrar os restos mortais de um homem que estava desaparecido há 22 anos. O portal BBC revelou que ele estava dentro de um carro, submerso em um lago nos Estados Unidos.

O homem em questão é William Moldt que desapareceu na cidade de Lantana, no estado da Flórida, em 7 de novembro de 1997. Na época, ele tinha 40 anos e sua última noite foi em uma noitada na boate. Sem sucesso, a polícia chegou a abrir um inquérito sobre seu desaparecimento.

Em 28 de agosto deste ano, a polícia recebeu a denúncia de que havia um carro afundado em um lago de Wellington, também na Flórida. Um homem estava fazendo uma pesquisa no Google Earth, que trabalha com fotos via satélite, quando notou o que parecia ser um veículo.

A polícia visitou o local após receber a ligação e constatou a presença do veículo, que foi retirado da água em seguida. Eles se depararam com os restos mortais que, uma semana depois, foram confirmados pela investigação de que se tratava de Moldt.

“Não é possível determinar o que aconteceu há tantos anos. Tudo o que sabemos é que ele desapareceu da face da Terra e agora foi descoberto”, simplificou Therese Barbera, porta-voz da delegacia.

“Surpreendentemente, o veículo estava claramente visível em uma foto de satélite do Google Earth da área desde 2007, mas aparentemente ninguém percebeu até 2019”, publicou o site do Charley Project, banco de dados online sobre casos não resolvidos nos EUA.

O post Google Earth ‘encontra’ homem desaparecido há 22 anos no fundo de um lago apareceu primeiro em Acredite ou Não.


E aí tem algo escrito errado? Ficou com alguma dúvida ou tem alguma sugestão de matéria para O DesaForado? Envie para nós clicando no botão abaixo e não esqueça de deixar seu comentário abaixo.

Enviar Dica


Fonte: https://acrediteounao.com/google-earth-encontra-homem-desaparecido-ha-22-anos-no-fundo-de-um-lago/ 

Deixe uma resposta