A Área 51, base militar dos Estados Unidos, por ser tratada pelo governo com extremo sigilo e ser cercada de mistérios, é o centro de algumas das maiores teorias da conspiração da história. Operando há mais de 60 anos, até hoje ninguém sabe o que acontece dentro da instalação. Por isso, muita gente acredita que o país utilize o local para esconder criaturas extraterrestres.

Agora, uma página no Facebook está pensando em tomar alguma ação drástica quanto a isso. Para desvendar os segredos da Áres 51 de uma vez por todas, os internautas organizaram um evento que pretende invadir a base militar.

O evento ‘Storm Area 51, They Can’t Stop All of Us’ (‘Invadir a Área 51, eles não podem parar todos nós’, tradução nossa) já conta com a confirmação de presença de mais de 640 mil participantes. Além deles, outros quase 600 mil marcaram que têm interesse.

O evento tem até data para acontecer: 20 de setembro, de madrugada. A página define o encontro como uma grande invasão de caçadores de alienígenas e afirma que o plano envolverá “uma corrida sobrenaturalmente rápida – mais rápida que as balas dos guardas -, mas vai valer a pena”.

É importante salientar que o evento é apenas uma grande piada de uma página de humor. A ultrassecreta Área 51 é uma instalação localizada no estado de Nevada, a noroeste da cidade de Las Vegas. O local é protegido por cercas, radares e guardas fortemente armados.

Tentar invadir o local, inclusive, pode ser bem perigoso e gerar consequências gravíssimas. Diversas placas nas cercas deixam claro que todos os guardas possuem autorização expressa para utilizar força letal em invasores.

Conheça os mistérios acerca da área 51

O post Área 51: internautas organizam invasão à base militar apareceu primeiro em Acredite ou Não.


E aí tem algo escrito errado? Ficou com alguma dúvida ou tem alguma sugestão de matéria para O DesaForado? Envie para nós clicando no botão abaixo e não esqueça de deixar seu comentário abaixo.

Enviar Dica


Fonte: https://acrediteounao.com/area-51-internautas-organizam-invasao-base-militar/ 

Deixe uma resposta