O nosso planeta sofre danos irreversíveis a todo o momento. Infelizmente, as alterações no meio ambiente tem resultado em sérios problemas que ficam mais preocupantes a cada ano. O maior causador desses problemas é o ser humano. Poluições, desmatamentos e até a caça à determinadas espécies de animais podem resultar em grandes problemas ao planeta. As queimadas em larga escala, seguidas de desmatamentos e poluições em rios estão danificando, cada vez mais o mundo. Com isso, estudiosos estudam essas alterações drásticas da temperatura do nosso planeta e se preocupam com o nosso futuro.

O ano de 2019, por exemplo, foi o ano mais quente já registrado pela NASA e a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos. Isso, desde que as duas organizações começaram a trabalhar juntas, a fim de estudar a temperatura do mundo. A fim de rastrear a temperatura global, os cientistas usam dados de mais de 20 mil estações meteorológicas. Essas ficam na Antártida. Além disso, são usadas observações baseadas em navios e boias das temperaturas na superfície do mar. O aquecimento global, infelizmente, vem aumentando de forma assustadora. O aumento, nos últimos anos, surpreendeu a todos inclusive.

Gifs que mostram as alterações da temperatura do planeta

140 anos de estudo

Desde 1880, estudos mostram dados consistentes da temperatura em todo o nosso planeta. É possível notar que o globo era muito mais frio até o ano de 1999. As temperaturas começaram a aumentar de forma assustadora, a partir da década de 1970. Isso é resultado da emissão descontrolada de gases de efeito estufa na atmosfera.

2010

A última década foi considerada a mais quente da história. Entre 2010 e 2019, a temperatura do planeta se manteve 1ºC acima do que no final do século 19. Além disso, os anos de 2016 e 2019 foram os anos mais quentes dos últimos tempos.

90%

Conforme a Terra aquece, o gelo polar derrete em uma velocidade avançada. O Ártico está esquentando ainda mais rápido do que o resto do planeta. No último verão do Hemisfério Norte, 90% da superfície do manto de gelo da Groenlândia derreteu.

20 cm

O derretimento do gelo aumentou o número do mar em todo o mundo. Além do derretimento do gelo no oceano, o calor ainda faz com que a água se amplie. Desde 1880, o nível do mar aumentou cerca de 20 centímetros. No entanto, as taxas regionais do nível do mar costumam ser ainda maiores.

Mais de 100 incêndios

Conforme a temperatura aumenta, os focos de incêndios aumentam. Durante julho de 2019, mais de 100 incêndios de longa duração queimaram, ao norte do círculo ártico. Esse foi o ano com mais incêndios dos últimos tempos.

Aumento nos níveis de CO2

Essa tendência de aquecimento é o resultado do aumento de 46% nos níveis de CO2, na atmosfera. Esses são os gases que intensificam o efeito estufa. Eles são liberados de maneira descontrolável pela atividades humanas.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Vale sempre lembrar que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento. Aproveite para fazer um tour por nosso site.

Essa matéria 6 gifs que mostram as alterações drásticas da temperatura do planeta foi criada pelo site Fatos Desconhecidos.


E aí tem algo escrito errado? Ficou com alguma dúvida ou tem alguma sugestão de matéria para O DesaForado? Envie para nós clicando no botão abaixo e não esqueça de deixar seu comentário abaixo.

Enviar Dica


Fonte: https://fatosdesconhecidos.ig.com.br/6-gifs-que-mostram-as-alteracoes-drasticas-da-temperatura-do-planeta/ 

Deixe uma resposta